Criança de 4 anos morre de fome após passar 2 semanas ao lado do corpo da mãe - R12Notícias

Noticias e informações do Brasil e do Mundo

6/17/2017

Criança de 4 anos morre de fome após passar 2 semanas ao lado do corpo da mãe

O pequeno Chadrack Mbala Mulo, de quatro anos, morreu de fome após passar duas semanas ao lado do corpo da mãe, Esther Eketi-Mulo - que morreu no apartamento onde eles moravam, em Londres, na Inglaterra.

Segundo o Hackney Gazette, a mulher sofreu convulsões epiléticas e acabou falecendo. O menino, que era mudo e diagnosticado com autismo, não conseguiu pedir ajuda e acabou morrendo duas semanas depois.
Os corpos foram encontrados em 20 de outubro do ano passado - dois dias depois do menino ter falecido. As autoridades acreditam que ele poderia ter sido salvo se os vizinhos ou a escola tivessem alertado sobre o sumiço de mãe e filho.

O garoto foi encontrado abraçado ao corpo da mãe, e o caso gerou muita comoção na vizinhança. "É de partir o coração. Fiquei perturbada por muito tempo por pensar que eu poderia ter ajudado", disse uma vizinha, que não quis se identificar, em entrevista recente ao jornal local.

À época das mortes, funcionários da escola que Chadrack frequentava tentaram ligar para a mãe e até foram ao apartamento duas vezes para entender o motivo das faltas, mas não conseguiram contato. Agora, as autoridades locais estão tentando criar medidas para que as escolas tenham cautela sobre as faltas de alunos para evitar que casos como esse se repitam.

Janet Taylor, diretora da escola do menino, disse que, desde o episódio, a instituição passou a registrar os telefones de três pessoas relacionadas a cada aluno, além de visitar a residência dos estudantes caso não conseguiam contato em caso de faltas. No entanto, ela não acreditam que essa prática pode ser viável para outras instituições na Inglaterra.


Fonte:REDETV